I want to know what love is


Aposto que todo mundo já se sentiu assim, ao menos uma vez na vida. Aquele misto de tristeza, autocomiseração, solidão... e vc pensa: "Quando será a minha vez?"

Eu não deixei de sentir isso. E durante muito tempo na minha vida, perguntava "I want to know what love is" ou "Eu quero saber o que é o amor, ou o que é amar, ou o que é se sentir amada".

Toda vez que escuto esta música, lembro de meus passeios noturnos na rua Augusta, indo da Paulista até o metro República e de volta para USP. Idos de 2004/2005.

Hoje em dia, sinto arrepios quando ouço essa música. Nada de comercial do Guará. É interessante ver as lágrimas compartilhadas, porque me sinto menos ridícula ao saber que não sou a única que chora em público ouvindo uma música linda.

E, hoje em dia, eu sei que o é sentir-se verdadeiramente amada. Obrigada, minha querida, por isso.

I want to know what love is, versão Wynonna Jude.

http://www.youtube.com/watch?v=3CpWkYc1ZsA
http://letras.terra.com.br/judd-wynonna/104209/
http://letras.terra.com.br/judd-wynonna/1207462/

2 comentários:

aline naomi disse...

Crisaum, ando lendo seu blog, só não comento muito...

Esse post me lembrou uma conversa com um amigo, há vários anos, que também poderia parecer uma conversa entre uma criança e um adulto. Me acho tão bestinha às vezes-quase-sempre!

Perguntei:

- Como você sabe que ama alguém?

Daí ele respondeu:

- Você não sabe, você sente.

Senti uma COISA, quando ele respondeu isso!! Senti como Verdade absoluta.

Crisão disse...

Eu lembro disso que vc falou. E lembro que achei isso mto verdadeiro... o ser humano racionaliza demais, quando tenta ser sensível, descamba. Um dia achamos um caminho do meio!