Meus filmes favoritos de todos os tempos

Escrevi um post elencando meu filmes favoritos uns anos atrás. Achei que era hora de repostar, incluindo as novidades. 36 filmes porque tenho 36 anos. Um dia cai por terra essa minha regra só minha e posto uns 200 filmes. Ou não.

01. Cidade dos sonhos
02. Réquiem para um sonho 
03. Persona
04. As horas 
05. Brilho eterno de uma mente sem lembranças 
06. Closer – perto demais 
07. Tomates verdes fritos 
08. Matrix – trilogia 
09. 2001 – uma odisséia no espaço 
10. Ponto de mutação
11. O silêncio dos inocentes
12. Anticristo
13. Cisne negro
14. Monster – desejo asssassino
15. Psicopata americano
16. O exorcista
17. O iluminado
18. O céu que nos protege
19. Meninos não choram
20. Alien – quadrilogia
21. A viagem de Chihiro
22. Thelma e Louise
23. O segredo de Brokeback Mountain
24. Em algum lugar do passado
25. O segredo do abismo
26. Veludo azul
27. Má educação
28. Paris, Texas
29. Bagdad café
30. Almas gêmeas
31. Taxi driver
32. Animatrix
33. Jogo subterrâneo
34. Las acacias
35. A origem
36. Gravidade

Após um longo tempo 1 - cookies sem glúten

Está na moda cada vez mais não celíacos aderirem à dieta sem glúten!

Culpa das farinhas brancas! Por causa dos programas de dietas, por causa do excessivo número de obesos, o ataque a tudo que faça inchar, cause enxaqueca, sirva como “cola” dentro do nosso sistema gastrintestinal. As farinhas brancas são atacadas sem dó. Confesso que não acho que a culpa seja inteira e unicamente da farinha branca. Mas vivemos numa época em que adoramos apontar o dedo como nunca! E, quem diria, um simples exemplo culinário vira metáfora para filosofia de mundo. Parei!!! ;-P

Depois que um amigo do curso de astrologia me disse o quão fácil era fazer cookies, fiquei com aquilo na cabeça. Convivo com pessoas com as mais diversas restrições pelos mais diversos motivos, então... resolvi arriscar fazer um cookie sem glúten, já que as pesquisas pela internet não me renderem nenhuma receita que me agradasse. Umas falam de uma massa grudenta, que você precisa ficar remoldando enquanto assa. A imensa maioria dizia mesmo que a massa era grudenta, que era necessário moldar com uma colher! Não!

Nem procurei receitas gringas, fui na intuição mesmo. Não ia usar ovos, nem farinha de trigo. Então, seguindo a lógica, bastaria mesclar 50/50 farinha de arroz com o amido e fécula. Bingo!!! ^^

Olha a receita. Alguns ingredientes podem ser difíceis de serem encontrados. As farinhas abaixo foram compradas na Zona Cerealista e, juro, meio quilo de cada e mal paguei CINCO REAIS ao total. No Rio de Janeiro, acho que na Casas Pedro você encontra os ingredientes.

Cookies sem glúten
100 g de farinha de arroz branca
100 g de farinha de arroz integral
100 g de farinha de arroz negro 
100 g de amido de milho
100 g de fécula de batata
1 colher de sopa rasa de fermento em pó químico
100 g de açúcar demerara (ou mascavo) [mais, para quem gosta de muito doce]
100 g de manteiga sem sal bem gelada cortada em cubinhos pequenos (ou 100 g de gordura de coco gelada)
1 fava de baunilha (ou 1 colher de café de uma boa essência de baunilha)
50 g de sementes de girassol
50 g de castanha do pará picadas grosseiramente
50 g de amêndoas cruas picadas grosseiramente
200 g de chocolate meio amargo picado grosseiramente (mais ou menos de acordo com o seu gosto)

Modo de preparo
Misture e peneire todos os ingredientes secos. Acrescente a manteiga gelada. A baunilha. Com as mãos, incorpore tudo até virar uma massa (como disse minha irmã "parece massinha de modelar"). Nada de massa grudenta. Você precisa ter uma massa modelável, que você pega com as mãos e faz os formatos de cookies no tamanho que quiser.

Quando chegar nesse ponto, acrescente os grãos e metade do chocolate. Incorpore tudo. Tampe a bacia em que estiver trabalhando com filme plástico e deixe na geladeira por pelo menos dez minutos. Caso a sua massa esteja meio mole, a geladeira vai deixá-la firme outra vez. E essa resfriada é boa para dar o choque térmico na massa, gelar a manteiga da massa, e dar uma crocância, embora amido de milho e fécula sempre resultam em massas "podres" e crocantes.

Preaqueça o forno a 200ºC. Enquanto isso, pegue duas formas antiaderente ou apenas untadas com óleo. Pegue a massa da geladeira, molde os cookies e deixe um pouco de espaço entre eles. Pegue o restante do chocolate meio amargo picado e coloque por cima. Ponha para assar por cerca de 15 a 20 minutos, depende da potência do seu fogão.

Quando assados, deixe a forma esfriando em uma superfície fria. Depois de uns 15 minutos, você pode retirá-los com ajuda de uma espátula. Coloque sobre papel toalha para esfriar de vez, o que leva mais tempo. Depois de totalmente frios, guarde-os em um recipiente hermético (dica do amigo do curso). Comprei potes de vidro grandes, com tampa. Dura uma semana e mantém a crocância.

E... yummy! Que surpresa, porque fica uma delícia!!!!