Quem somos nós?

Não... isto é quase um post ao filme homônimo, maravilhoso e único, What the fuck do we know?! que merece muito ser visto para... aumentarmos um pouco o raio de nossa ignorância. Existe inclusive uma edição especial com 4 dvds que... um dia eu tenho.

Hoje cedo, andando pelas ruas de uma Lapa com as mesmas pessoas correndo de um busão a outro, ou de um trem a outro, eu parei num semáforo, que aguardava o sinal verde dos pedestres. Queria ter minha câmera para registrar aquele momento! Do meu lado esquerdo, o dia nascia perfeito, com um amanhecer repleto de cores, tonalidades e semitonalidades, uma verdadeira aurora boreal da manhã! O céu azul e perfeito dava o contraste para um espetáculo sem palavras e que eu humildemente tentei descrever aqui.

Olhei para as pessoas paradas, esperando o farol fechar. Contra a luz, estavam todas escuras. Cabisbaixas. Não vi ninguém apreciando aquele presente gratuito que estava ali, para encher os olhos de lágrimas.

A primeira coisa que pensei foi: "Quem somos nós? Seres humanos ridículos!" Sempre admirei a Natureza, sem necessariamente querer fugir para ele, como o cara do Into the wild, que já postei aqui. Isto é o que devemos fazer: simplesmente nos inspirar. E nada. Não fazemos nada diante desse presente de graça. Nós -- os seres que reclamam que nunca têm nada de graça.

Damn, it's another day. I will fulfill it with the blessings that Holly Nature provides...and I will go on.

Nenhum comentário: