Restaurantes, restaurantes... (parte 3)

Para quem não sabia (ainda) tá rolando a Restaurant Week em SP, desde 1º de março até o dia 14 (próximo domingo).

Assim que fiquei sabendo (e já tinha pego a dica desde o ano passado, com a Ju Ramos), corri pro Guia da Folha e fiquei lendo um por um cada restaurante. Óbvio que na primeira leitura marquei mais de 10 para ir, mas é impossível. Primeiro: eu trabalho. Segundo: grana.

Mas não grana porque é caro, porque justamente o tchan do Restaurant Week é pagar um preço fixo de R$49,90 no jantar e ter direito a entrada, prato principal e sobremesa. O menu é selecionado especialmente pro evento e mostra algumas das iguarias de cada restaurante.

Pois bem. Munida de ideias selecionei meu primeiro destino: Apfel Bistrô. Fui na sexta passada, com a Sharleu. Trata-se do único restaurante vegetariano na lista do Restaurant week.

Primeiro, nota 10 para a decoração. Uma casa foi redecorada com clima intimista, que inclui delicadas e coloridinhas velas por todos os lados: nas mesas, na escada.

Escolhemos uma mesa do lado de fora. A charmosa, linda e educada gerente Letícia nos atendeu. Me chamou a atenção porque ela me lembrou demais minha querida amiga Mariana Timbó. Cismei que ela era aquariana.

Pedimos: primeiramente, o couvert. Na verdade, nem deveríamos ter pedido, porque ele é uma excelente entrada da entrada: torradinhas integrais feitas na casa, com as opções de patê de pimentão verde, patê de feijão branco e palitos de pepino e cenoura para petiscar.

Sharleu pediu (sugestão da Letícia) um suco de carambola (eu sei que é época porque tem muito na feira). Eu pedi um exótico abacaxi com gengibre. Sempre sem açúcar. Uma delícia os dois sucos!

Chegou a entrada:tinha me chamado atenção as brusquettas de abacate com queijo meia cura. E não me decepcionaram... uma delícia!!! A Sharleu pediu bolinhos de quinoua (que lembraram muito falafel) que vieram acomodados sobre uma cama de folhas verdes (broto de girassol, alfafa e alface). Ainda saboreei brusquettas de tomate com manjericão e de berinjela.

(foto tirada do site, belas brusquettas...)










Como prato principal pedi o risoto de arroz negro com pimenta biquinho, pupunha e ervas. Achei apenas a pupunha um pouco dura, mas de resto uma combinação deliciosa. Sharleu pediu cuscus marroquina com legumes e semente de girassol. Delicioso!!!

A essa altura, por incrível que pareça, estávamos satisfeitíssimas. E aproveitamos para perguntar o signo da Letícia: "Sagitário", ela disse sorrindo. "Mas eu podia jurar que era aquário", retruquei. "Ah! Aquário é meu ascendente!". "Sabia! Eu sou boa nisso!". Ela deve ter achado a gente um bando de doidas.

Conversa vai e conversa vem, pedimos a sobremesa. Eu fui de brownie vegan com frozen de tofu. A Letícia reparou minha cara tentando sentir os sabores do brownie e gentilmente me disse: "é feito com abóbora, farinha de amêndoas e açúcar mascavo". O frozen de tofu é tofu picadinho com alguma fruta (que não identifiquei), delicados pedacinhos de gelo e canela em pau. Delícia. Mas não ganhou do bolo mousse com creme brulee e coulis de frutas vermelhas que a Sharleu pediu. Tesão, tesão absoluto!!!

(foto do site)










A charmosíssima Letícia ainda nos convenceu a tomar um chá infusão especial da casa. Eu e Sharleu fomos de gengibre. Quero fazer em casa, porque ficou forte na medida certa! Fechamos o jantar com chave de ouro!

E disse à Letícia que vamos quebrar essa ideia de que, segundo ela, vegetarianos não jantam, por isso pouquíssimas casas abrem à noite. Visitem o Apfel Bistrô, do ladinho da Paulista. Sabores, atendimento e localização perfeitos!

Um comentário:

Crisão disse...

Retificando: é R$39,00 o preço da janta...