20 de setembro e os anivers de hoje

Amanheceu o dia 20 de setembro, uma daquelas datas que gosto de celebrar a cada ano! Motivos? Eu tenho de sobra, duas pessoas queridíssimas fazer aniver hoje: Poli e Gabitchs.

A Gabitchs é a mais ausente. Não lembro quando foi a última vez que a vi. Provavelmente, nas longínquas aulas de literatura na USP. Sempre reclamando que eu era surtada e dos meus "escândalos" que fazia todas as vezes que a via... minha (única) bruxa querida, temos uma relação distante que não se perdeu com o tempo. Gosto disso. Gosto da presença de certas pessoas em minha vida, que não se dissipam com o tempo e, ao contrário, fortalecem.

A idade é perigosa agora... retorno de Saturno desponta no seu horizonte, meu bem. Aproveite seu dia hoje, com corte de cabelo novo e tudo. Sabe que sempre desejarei o melhor para você!

***

A outra aniversariante é mais do que especial. É simplesmente aquela a quem carinhosamente apelidei de "minha filha" mesmo não tendo parentesco nenhum. Ou melhor dizendo, a pessoa que ao longo dos meus 33 anos de vida, mais soube me compreender. Melhor do que eu mesma.

Nossa relação já dispensa adjetivos e explicações. A nossa amizade não precisa dessas coisas. Mas eu preciso louvar hoje, que é o dia de seu aniversário. Imagino que ela deva estar em Poços, curtindo aquele frio e aquele clima que só existem naquela cidade. Espero...
Acho que tudo que eu poderia pensar de você, já disse. E o que eu poderia esperar de nossa amizade, já foi mais do que superado. O que sobra, então? Sobre então repetir aquelas mesmas coisas de sempre... que a parte considerável do que me tornei ao longo desses últimos seis anos, eu devo a você. Eu não teria presentes para te ofertar que agradecessem tudo isso que você simboliza para mim. Mas como as boas virginianas costumam ser, prestatividade e recompensas são coisas que não combinam... porque são meio que obrigatórias, sabe? rs

Filha querida: neste dia tão especial, em que o ciclo novo, o seu Ano Novo Pessoal começa, apenas desejo que tenha sempre a justiça que te guiou ao longo de sua vida. A sabedoria de tentar fazer as melhores escolhas. E a força para nunca desistir, mesmo quando tudo parece desesperador. Para quando precisar, sabe onde estou. É só me chamar, e eu irei.


Um comentário:

Poliana disse...

Que lindo! Obrigada por tudo, sempre, e por mais essa dedicação tão sincera. Bjos