Trilha sonora de hoje: Only love

Porque desde que (quase sem querer me indicaram...) ouvi Melissa Etheridge de verdade pela primeira vez, não parei mais de ouvir. Não sabia que ela canta desde 1980, que ela é lésbica assumida, que ela teve câncer de mama, que é democrata e defensora do meio ambiente. Ou seja, uma artista perfeita! Quase. Eu tinha gostado de ouvir várias músicas em estúdio quando parti para as performances ao vivo. Aí, não teve jeito: gamei de vez. Ela tem exatamente o estilo de música, de letra, de melodia, de voz, de atitude, de tudoque eu gosto. Não pensei que pudesse encontrar uma cantora nestes dias de hoje que pudesse me surpreender assim, juro que não pensava. A música anda numa outra vertente, com outros gostos e estilos -- que não me agradam. Eu gosto do velho e bom rock and roll, não tem jeito.

Aí, eis que me indicam (ok, ninguém me indicou, na verdade, foi a Isabella Taviani que disse que ela não saía do Ipod dela. Fiquei curiosa e fui atrás). Agora tenho um mundo inteiro de Melissa Etheridge para descobrir, me dá uma certa ansiedade, mas vou curtir aos poucos, e tenha certeza de que terei todas as músicas dela, de um jeito ou de outro! rs

A trilha de hoje é esta música que fala sobre amor... o verdadeiro, na minha humilde opinião.


Only love is real
Everything is love
Everything you feel
That's what your world is made of

Nenhum comentário: