Minha receita de guacamole

Estamos na época dos abacates e toda pessoa que gosta de cozinhar, precisa aproveitar as frutas da época, por ter a maior variedade e as frutas com maior sabor. Ainda estamos na época de abacates... e taí uma boa oportunidade de fazer uma receita deliciosa e extremamente saudável. Além de megafácil de se fazer.

A receita original pede avocado, mas convenhamos que avocado é muito caro. Embora tenha um sabor mais encorpado e seja -- de longe -- macio e tenro, abacate sai 1/4 do preço e praticamente tem o mesmo resultado final.

Primeiramente tenha uma abacate médio em mãos. Detalhe: ele precisa estar MUITO maduro. Abacate verde não rola. Eu mesma já tentei e não deu certo. Ou vc compra uma fruta madura, ou compra verde e espera amadurecer (tipo, embrulhando no jornal, como minha mãe faz, essas coisas).

Pegue o abacate (de médio a pequeno, varia) e retire a polpa. Antes de começar a amassar com o garfo, esprema o suco de um limão siciliano (pode usar qualquer outro, mas vai por mim, porque com o siciliano o sabor fica divino). Aprendi essa dica como o senhor Claude Troisgros. Com um garfo, amasse delicadamente. Pique uma cebola pequena em cubos pequenos e acrescente. Um tomate pequeno, sem pele e sem sementes, em cubos também pequenos. Uma mão cheia de coentro picadinho. Vá misturando e incorporando os ingredientes. Precisa haver um equilíbrio correto e nenhum estar faltando ou sobrando, então fique de olho.

Acrescente azeite e sal a gosto. Por fim, fica a critério de cada um: vc pode pegar uma pimenta dedo de moça, tirar as sementes e picá-la bem fininho e colocar. Pode pegar uma pimenta jalapeno em conserva (como tenho aqui), picar e colocar. O sabor original é o da pimenta jalapeno, que não é muito ardida e é muito perfumada. Ou, ainda, usar uma pimenta Tabasco e despejar gotas a gosto.

Para acompanhar, doritos amarelo (de preferência). Costumo torrar um pouco de pão árabe (olha a mistureba) e comer, que fica muito bom também. Delícia! ;-)

2 comentários:

Afrodite disse...

ai eu vou fazer e depois digo como ficou...arraso na receita

Cristina Kok disse...

Quanto à "mistureba", não tem problema. Meu estômago não é religioso nem sectário.