Apenas eu

Falei de tantas pessoas ao longo desta semana. Pensei em tantas coisas boas... mas chegou a hora de pagar minha própria conta e cuidar de mim. Não costumo falar de tudo que sinto, por respeito a mim mesma. Porém, hoje, o dia amanheceu nublado (de novo!) e eu não pude evitar aquela sensação de solidão mesmo com tanta gente perto de mim.

A música a seguir (do Bon Jovi, claro) é uma das várias que me definem. Esta me define agora: "You better chase your dreams before they rust. Get what you can and hope it's enough. Go on now, you're on your way, baby. Break some hearts, hearts can break easy." [Algo como: "É melhor que você vá correr atrás de seus sonhos antes que eles enferrujem. Que você tenha tudo que puder e espero que seja o suficiente para você. Vá agora, siga o seu caminho, querida. Magoe alguns corações, já que eles podem facilmente ser feridos."]

Saudade de construir sonhos novos. Saudade da companhia perfeita de um sábado à noite. Saudade da intimidade que palavras não exprimem. Por isso: "
O limbo emocional é uma mistura de todas as piores salas de espera que você puder imaginar." O meu eu agora está transmutando e reconstruindo.

Don't worry about me, I'll get along

I'm like a neon sign that's always on
It's alright, I'm open all night
I'll be right here waiting no matter how long
I'll keep the jukebox playing our favorite song
Hey, if you're lonely, I'm open all night
Open all night
I'll never turn out the lights


Nenhum comentário: