Uma mulher corajosa

Quero uma mulher corajosa, simplesmente assim!
Que tenha coragem para saber ter coragem. E que reconheça que sentir medo é humano, e que nunca devemos alimentá-lo.

Que tenha coragem para compreender que os desafios da vida apenas são detalhes para gerar mais união. Pode haver distância física ou material? Pode. É obrigação nossa alimentamos a esperança pura que brota do coração e é vista em sinais sutis. E seguimos adiante. Sempre!

Quero uma mulher corajosa!

Que tenha coragem para admitir que sentir receio passa longe da covardia, e que nunca devemos deixar isso tolher todas as suas ações. Que tenha coragem para sonhar comigo sem medo de soltar os pés no chão. De vez em quando, principalmente quando a realidade for dura demais. Porque se essa mulher for corajosa, ela também será sensível como eu.

Que tenha coragem para ser independente sem confundir isso com promiscuidade. Pois a verdadeira liberdade está em sermos como verdadeiramente somos e nada aquilo que o outro espera de nós. A expectativa é uma palavra perigosa. Quero que essa mulher seja realista sem ser pessimista. Que tenha a mente aberta para tudo o que for novo, pois apenas quando aprendemos algo ratificamos a nossa condição minimamente humana.

Que seja humilde sem deixar de ter sua autoestima. Que auxilie sem se autoanular. Que vá comigo a todos os shows da Isabella Taviani. E que aceite as diferenças de gosto musical e que tenha curiosidade gastronômica. Que goste de conversar comigo: meditando, com palavras ou em silêncio.

Quero uma mulher corajosa para todos os momentos! Nas manhãs nubladas de segunda-feira. Na intimidade de um domingo à noite. O carinho que vem sem pedir, existe por existir. O abraço aconchegante, o olhar reconfortante e encorajador. Que me afague e me mime sem ocultar meus defeitos, que seja bálsamo transmutador para as minhas feridas. Amor sincero e amor corajoso.

Quero uma mulher corajosa! De verdade!
Que esteja distante dos moldes prontos que um dia criei. Seja qual for o signo, seja qual for a idade, seja qual for a origem. Importa que seu coração crístico se reconheça com o meu, que nossas almas afins compartilhem os mesmos objetivos. Que saibamos transformar as nossas falhas humanas em exemplos de amor e superação. Que me aceite como sou, pois eu a aceitarei como ela é. Que juntas aprendamos a ter mais amor universal e que espalhemos esse amor universal.

Quero uma mulher corajosa que mostre que é, sem precisar dizer, pois eu saberei. Eu sentirei. E que juntas superemos o pensamento mediano, o julgamento alheio e bárbaro. É perfeição sem ser perfeita, essa coragem. Apenas desejo a coragem como uma ação resiliente de alguém que sabe o que é, sabe o que quer e luta por tudo aquilo que acredita. Eu sei que você está aí, em algum lugar. Em breve, iremos nos reencontrar. Até daqui a pouco.

4 comentários:

Jana disse...

Sorte! Vou mandar um patuá por correio também! ;-*

Crisão disse...

ACEITO! :-**
Obrigada por tudo. Sem vc não teria escrito este post!

fafá barbalho disse...

Você se superando e me emocionando.....bom ter uma amiga assim, corajosa e de verdade.

Crisão disse...

Ah Fafá.... :'-))