Isabella Taviani no Teatro Abril - má-gi-co

Faz apenas algumas horas desde o show da minha ídola Isabella Taviani, no Teatro Abril. Mas eu precisava escrever tudo isso antes de ir dormir. Não estou com adrenalina, estou com uma sensação que há muito não sentia... e ainda não sei descrever.




Minha opinião, mas este show foi o melhor dela, neste ano. Por que? Porque, pela primeira vez, não tinha fãs afoitos (o que é compreensível, mas nem sempre admissível) gritando por toalhas, palhetas, etc etc etc... Havia uma plateia que queria ver a cantora cantar: o essencial, certo? Mas, na opinião desta modesta pessoa, esse essencial estava perdido em algum lugar...

Isabella não estava 100% bem. Era nítida a sua concentração para não perder a voz, não desafinar... (tossiu algumas vezes e confesso que fiquei com medo dela estourar a garganta, tal qual aconteceu com Adele [história contada pela Jeane]). Nesse momento, confesso ter ficado tensa. Ela moderava a voz para dar um agudo que ninguém diria que ela conseguia. Mas, IT é IT, certo?

O repertório seguiu praticamente as mesmas músicas desde o primeiro show da turnê EU RAIO X, mas desta vez, Myllena não esteve presente e IT não cantou "A Imperatriz e a Princesa". No lugar, a clássica, e não menos imprescindível, "Iguais".

O Teatro Abril é uma casa maravilhosa para shows. Confortável, bem localizada, com ar-condicionado que funciona e seguranças com caras feias, mas educados. Sentei na primeira fila, ali no meiozinho de tudo, e confesso aqui algo que nunca tinha vivido: toda vez que a Isabella se aproximava da beira do palco, eu sentia o seu perfume. Perfume esse que ela disse que nunca irá revelar qual é, mas que eu já senti inúmeras vezes quando ela nos recebia no camarim. Essa coisa cinestésica, confesso, me envolveu de forma única!

Desta vez não pude ficar para a tradicional foto com abraço no camarim. É claro que eu gostaria muito... quem sabe no Rival? Mas ela sabe que eu estive lá. Fiz fotos maravilhosas... pude ser testemunha de um show onde as pessoas queriam vê-la cantar unicamente, com educação e respeito aos outros... que mais posso dizer? Obrigada, IT, por mais este presente para esta sua eterna fã!

2 comentários:

Amanda Menezes disse...

Lindo relato...ja aguardava anciosa suas palavras e pode ter certeza,a riqueza de detalhes me fez sentir-me lá na primeira fileira c vc.Parabéns!

jamillecout disse...

Meu o show foi lindo, a sua postagem foi linda, e assim, a letra a composição, a noite a lua, tudo se apropriou por pelo momento que a gente viveu.
Essa emoção, de estar, e poder sentir não tem explicação. Jamille (jamille_ckp@hotmail.com) (951079350)